terça-feira, 10 de agosto de 2010

Sobre o amor

A gente só passa a conhecer a intensidade do amor quando ele nos faz algumas feridas, difíceis de cicatrizar. E elas sempre estarão ali, pra nos lembrar que um certo alguém existiu nas nossas vidas e que de certa forma nos trouxe alguma felicidade. Estamos sempre em busca de novas feridas até que chega a um ponto em que no nosso coração não há mais espaço para cicatrizes.  

E você, quantas cicatrizes há no seu coração?

7 comentários:

Ellen Azevedo disse...

Duas cicatrizes e uma cura.

Fernanda Zanol. disse...

Não sei dizer se são bem cicatrizes de amor, porque nem sei se já amei de verdade. Mas de paixonites eu tenho várias... rs

beeeijo!

Naia Mello disse...

uma aqui e outra acolá.

Déborah Delancy disse...

uma cicatriz larga, comprida e profunda. Que ainda está em processo de cura.

Clarinha disse...

Tenho duas cicatrizes também :/

Carol Birly disse...

É verdade o que você escreveu...
tenho muitas cicatrizes e duas feridas que ainda
não cicatrizaram =//

Bjiiinhos!!

adriely santana disse...

estão começando a nascer ! :/

Postar um comentário

Comente, a sua opinião é importante pra mim.

Licença Creative Commons
A obra Sinta o Amor foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Proibição de Obras Derivadas 3.0 Brasil.