terça-feira, 24 de maio de 2011

Sobre o que sentir

Depois de um tempo a gente percebe que não é sempre que conseguimos ter controle sobre o que sentimos. Isso é a coisa mais natural que existe. Passamos a sentir uma leve dor no peito e a percebemos como se fosse a maior dor já sentida. Não senti-la pode ser mais angustiante do que sentir. A gente erra e volta a repetir o mesmo erro, insonscientemente, inúmeras vezes. É que ficar tentando acertar sempre cansa demais. Olhamos pra trás e percebemos que os erros fazem parte de nós. Embora seja difícil de acreditar, os sentimentos mais improváveis ainda podem ser os mais verdadeiros. E a gente segue acreditando naquela velha dor, às cegas.

2 comentários:

MrAmribeiror disse...

bem verdade.

Very Best Hug

Clarinha disse...

Me vi demais nesse texto !

http://maviealeatoire.blogspot.com/

Postar um comentário

Comente, a sua opinião é importante pra mim.

Licença Creative Commons
A obra Sinta o Amor foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Proibição de Obras Derivadas 3.0 Brasil.