sexta-feira, 8 de julho de 2011

Surto de felicidade

E o que eu sinto é o tal do amor. Aquele surrado, mal-falado, desacreditado e raro amor, que eu achava que não existia mais. Pois existe. E arrebata, atropela, derruba, o violento surto de felicidade causado pelo simples vislumbre do teu rosto. (Lucas Silveira)

5 comentários:

Luria Corrêa . disse...

O Lucas não poderia escrever melhor este sentimento.

Clarinha disse...

é o AMOR.. lindo !

Suellen Lyra disse...

o amor existe independentemente do tempo, e da ocasiao...
tem um selinho pra ti no meu blog..bjux

Clarinha disse...

que lindo !

bjs
http://maviealeatoire.blogspot.com/

Ká. ✿~ disse...

Ah, o tal do amor...
raríssimo.. hei de achar!

(:

beijinhos lindona!
e boa semana :**

Postar um comentário

Comente, a sua opinião é importante pra mim.

Licença Creative Commons
A obra Sinta o Amor foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Proibição de Obras Derivadas 3.0 Brasil.