quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Felicidade Inventada

Fingir felicidade nem sempre é o suficiente pra apagar do coração a dor que sentimos. Acredite, ela ainda vai estar lá, de um jeito ou de outro assim que você abrir os olhos. Embora, pra nós não faça diferença.  É estranho se sentir assim, acordar todos os dias pensando em como a realidade não é o suficiente. Guardamos velhos sentimentos, que acabam fazendo parte de nós. Tão velhos, que às vezes nem lembramos que eles já existiram um dia. Essa lista só aumenta. Sentir acaba se tornando uma necessidade. E, apesar de tudo, vale muito a pena.

4 comentários:

Laura Arvellos disse...

Tem várias novidades lá no blog! Veja,se gostar siga e comente.
Adorei sua postagem, parabéns!

Beijos :*

www.garotas-up.blogspot.com

@LaauraArvellos

O Conde disse...

Felicidade deve ser vivida em sua intensidade máxima, que margeia em alguns dias a tristeza, mas sempre caminha na direção de sermos felizes. Adorei sua postagem!

Letícia S. disse...

" Sentir acaba se tornando uma necessidade. E, apesar de tudo, vale muito a pena. "

amei, beijos :*

MARIA JOSÉ LOREDO disse...

ULTIMA MENTE VIVO FINGINDO QUE A FELICIDADE ANDA CAMINHANDO AS MEU LADO MAS AS LEMBRANÇAS ACABAM FAZENDO EU VOLTAR A REALIDADE
BJL M.J LOREDO

Postar um comentário

Comente, a sua opinião é importante pra mim.

Licença Creative Commons
A obra Sinta o Amor foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Proibição de Obras Derivadas 3.0 Brasil.