quarta-feira, 16 de maio de 2012

De volta ao mesmo lugar


Eu tento não desistir, mas fica difícil manter minha mente em paz enquanto meu coração grita de dor. Os sentimentos mudam. As pessoas mudam. Tudo muda, todo o tempo. Não dá pra contrariar ou esquecer. Eu digo pra mim mesma: "Se livra dos laços, eles não te servem pra nada." Mas eles nunca se desmancham. Continuam firmes e fortes. Embora eu tente me convercer do contrário eu sempre acabo no mesmo lugar, esperando o mesmo das mesmas pessoas e sofrendo do mesmo jeito. A gente nunca tem controle sobre nada. Nunca teremos. Não sou dessas que consegue esconder o que sente, por mais que eu tente. Acho que eu deveria deixar de agir assim.

6 comentários:

Garotinha Ruiva disse...

Me sinto exatamente assim.
Será q só iremos aprender quando morrermos? ¬¬´
Seu blog é incrível. Parabéns. =)

Barbie disse...

Verdade... às vezes parece q ngm se importa com o que sentimos... mas somos pequenas demais para arcar com o pesar dos sentimentos sozinhas.
Parabéns pelo blog!

Amanda Souza disse...

Luto contra isso todos os dias, mas não que é de mim mesmo, não consigo deixar de criar laços e de esperar das pessoas, mesmo que eu já tenha me machucado infinitas vezes.
Adorei aqui, viu? Muito lindo mesmo, parabéns.
Beijinhos

www.hiperbolismos.blogspot.com

Indy. disse...

"mas fica difícil manter minha mente em paz enquanto meu coração grita de dor..."
lindo lindo :)

Andrea disse...

tem uma frase que eu adoroo e tento sempre colocar em minha vida.
"Na verdade todos vão te fazer sofre, você tem que escolher a pessoa pelo qual vale a pena"

blog da garota minteriosa disse...

nossa ameii esse blog parabéns vc escreve mtt brigado por fazer um blog tão bom como esse

Postar um comentário

Comente, a sua opinião é importante pra mim.

Licença Creative Commons
A obra Sinta o Amor foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Proibição de Obras Derivadas 3.0 Brasil.