segunda-feira, 11 de junho de 2012

Sobre desistir

Você sabe quantas vezes eu já quase desisti do amor? Esse som que você ouve é o som dos meus passos, quando eu estou me distanciando de você. Consegue ouvir? Será que você sabe o quanto me machuca o fato de você não querer se importar? Eu nunca havia parado pra pensar em quantas vezes me arrependi de tudo. Me arrependo de alguns sentimentos, mas todo mundo precisa amar alguém. Temos essa necessidade, seja lá porquê. Uma grande parte de mim se importa e grita por socorro. Eu não aguento mais essa sensação estranha. Eu já perdi as esperanças de tirar ela de mim. Como eu queria não senti-la. Como eu queria não demonstrar tudo o que eu tô sentindo, mas chega a ser involuntário. Você não faz idéia. Não reconheço mais meu coração, agora ele não passa de um amontoado de cacos que eu fui juntando todos os dias. Ainda sinto doer cada pedaço, embora estejam no seu devido lugar. Você não faz idéia de quantas vezes me fez chorar. E sim, eu me importo. E muito.

3 comentários:

Sônia Amorim disse...

quando a gente ama alguem e essa pessoa nao ta nem aí pra gente vou te confessar dá vontade de socar essa pessoa, como podemos amar e nao sermos correspondido, é nessa hora que discordo por completo do livre arbítrio rsrsr triste mais lindo o poema, bj bom dia

Anônimo disse...

Uau! Vc acabou de me descrever!!! Adorei seu blog!!!
PARABÉNS!!! =D

Bjs
Tamires

Larissa Fidel disse...

Uauuu isto é simplesmente TUDDOO o que estou sentindo!! Estou amando o seu blog floor *-*
se possivel siga o meu =)
beijoos

Postar um comentário

Comente, a sua opinião é importante pra mim.

Licença Creative Commons
A obra Sinta o Amor foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Proibição de Obras Derivadas 3.0 Brasil.