terça-feira, 22 de outubro de 2013

Dois segundos

Eu queria acreditar no amor, mas tem algo dentro de mim que não me deixa. Essa sensação de que o fim é inevitável e que não há nada que se possa fazer. Não tô preparada pra aceitar tudo tão fácil. Aquela famosa frase "não existe ninguém insubstituível" deveria fazer a gente se sentir melhor. Eu só queria fingir que não tenho um coração, por dois segundos. 

5 comentários:

Anônimo disse...

Oi, desculpe se tenho erros na escrita é porque estou estudando a língua ainda. Eu também sentia isso que você sente, uma negação a ser feliz, uma negação em acreditar na outra pessoa. Um menino quebrou o meu coração ou no momento eu senti isso, mas depois de muito tempo estou me aventurando a conhecer outra pessoa, que, obviamente, que não vai me fazer sofrer. todos os ex são substituíveis, mas não esquecíveis, as experiencias más ajudam ás pessoas se sentirem mais fortes e mais expertas na face de uma situação semelhante à vivida, à sofrida.... temos que levantarmos tirar o pó do passado y continuar com o nosso caminho, embora as feridas doam, mesmo choremos. sou Jonathan é sou Argentino...

Thomas Joaz disse...

Belas palavras!

Diogo Felipe disse...

Linda <3

Janaina Carvalho disse...

Diz exatamente oque estou vivendo ultimamente
http://toquefeminimo.blogspot.com.br/

Julia Batista disse...

Também queria esquecer que tenho um coração... Queria esquecer que meu coração é fraco e tentar não gostar de alguém, mas quem já não tentou fazer isso não é? Simplesmente impossível. Parabéns pelo texto!

http://roqueiradepoisdos15.blogspot.com.br/

Postar um comentário

Comente, a sua opinião é importante pra mim.

Licença Creative Commons
A obra Sinta o Amor foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Proibição de Obras Derivadas 3.0 Brasil.