quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

Sobre amadurecer

Pra que todo esse rancor? Vai lá. Diz pra ele que ele não era o amor da sua vida. Que foi tudo um engano. Acontece. Nem sempre a gente sabe exatamente o que tá sentindo. Na maioria das vezes nunca é o que achamos ser. Ficamos tão acostumados com a presença de um alguém na nossa vida que acabamos confundindo. Às vezes basta um empurrãozinho da vida pra fazer a gente abrir os olhos pra verdade. Sentimentos não são coisas simples de se classificar. Existem sentimentos tão fortes que são difíceis de se esquecer, por mais que se queira.  Mas não significa que seja amor. Quando descobrimos que ninguém depende de ninguém pra ser feliz, amadurecemos. E como é bom amadurecer.

4 comentários:

Areolina Souza disse...

Verdade. Embora muitas vezes doa, o sentimento de ter crescido é inexplicável.

tuestremeendodeus.blogspot.com.br

Ana Lara disse...

:3 Adorei, acabei de passar por algo assim e realmente meio que amadureci, apesar de não ser amor, acho que esse tipo de coisa é fundamental pra descobrirmos mais sobre nossos próprios sentimentos.
Faz afiliação?
http://entrepalavrasepontos.blogspot.com.br/

PERSEVERÂNÇA disse...

Amei o que escreveu, parabéns.
Espero por vc no Perseverança, com certeza seu comentário vai dar certinho com oque dizemos por lá.
Bjs
Nicinha

silva neto disse...

Adorei o conteúdo da matéria:http://www.hotmart.net.br/produto/S467563S/Era-Digital/---86031-

Postar um comentário

Comente, a sua opinião é importante pra mim.

Licença Creative Commons
A obra Sinta o Amor foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Proibição de Obras Derivadas 3.0 Brasil.